Diário Sintonia
Árvores do cemitério das Paineiras são monitoradas pelo IPDSA
Por Janaina Silva
12 de abril de 2019

Avaliação Fitossanitária auxilia na deliberação ou não do corte

 

Instituto de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável, IPDSA, viabilizou o monitoramento ambiental de 2 árvores da espécie paineiras, situadas em frente o portão de entrada do cemitério das Paineiras. O engenheiro agrônomo, Marcel Ambrozano, monitorou as espécies com o objetivo de continuar com estudos fitossanitários já realizados anteriormente pelo IPDSA. O levantamento vai verificar a necessidade ou não do corte das árvores.

 

O monitoramento ambiental foi acompanhado pelo superintendente e pela equipe técnica do instituto. O relatório da investigação estará concluído em até uma semana.

O biólogo Rodrigo Ribeiro destaca que o trabalho realizado auxilia na elaboração do laudo. “Fazemos a avaliação do grau de infestação dos besouros e das plantas parasitas que estão no tronco. O monitoramento fornece informações mais detalhadas das condições estruturais no interior da árvore, permitindo à equipe técnica a elaboração de um parecer bastante criterioso”, explica.