Diário Sintonia
Enem: o que esperar do segundo dia de provas
Por Janaina Silva
8 de novembro de 2019

 

Domingo, dia 10 de novembro, as avaliações serão de ciências da natureza e matemática, quando 2.563 pessoas são esperadas no segundo dia de provas do Enem, Exame Nacional do Ensino Médio. Segundo a tendência do primeiro dia de exame, “a prova está prometendo ser um pouco menor, com textos mais enxutos”, diz o professor de física Leonardo Gomes. Mas isso não pode fazer com que os estudantes descuidem da interpretação de texto. “É importante buscar nos textos partes que importam [para a resolução da questão] e não sejam levados por palavras que não servem para nada”, acrescenta.

 

No segundo dia de aplicação, os estudantes terão meia hora a menos, ou seja, 05 horas para resolver todas as questões da prova. Isso significa que terão, em média, 03 minutos para cada questão. Para isso, a dica é buscar sempre as questões mais fáceis e, depois, voltar nas questões difíceis. No segundo dia de prova, é importante também repetir o que funcionou no primeiro. “Distribuição do tempo de prova, chegada ao local do exame. Fazer do mesmo jeito para não ter problema e não chegar atrasado. Ir com calma, que vai dar tudo certo”, sugere o professor de matemática, Leonardo Simões.

 

Enem 2019

O Enem começou a ser aplicado no último domingo, 03 de novembro, em 972 locais de prova distribuídos em 188 municípios em Minas Gerais, quando participantes fizeram as provas de linguagens, ciências humanas e redação. Aqueles que faltaram no primeiro dia, podem fazer o exame neste domingo (10/11), mas a prova servirá apenas para autoavaliação. As regras do exame são as mesmas do último domingo. Os portões abrirão às 12h e fecharão às 13h, no horário de Brasília. O gabarito oficial do Enem será divulgado no dia 13 de novembro.